Dietas: fazer ou não fazer? Saiba quais são as melhores para a nossa alimentação

Dietas: fazer ou não fazer? Saiba quais são as melhores para a nossa alimentação

Fazer dieta é bom ou ruim? Saiba quais são os planos alimentares indicados para quem busca uma vida mais saudável

Dieta para emagrecer, dieta para engordar, dieta para ganhar músculos, para reduzir o colesterol… Você já parou para pensar quantos tipos de dietas existem e são usados no dia a dia? Criadas a partir das necessidades de cada pessoa, esses planos alimentares, no entanto, ainda geram dúvidas quanto as suas eficácias. Ou seja, será que é saudável fazer dieta? Descubra quais são as mais indicadas pelos nutricionistas e como manter uma alimentação natural, nutritiva e de acordo com o que você precisa.

As dietas são elaboradas por um profissional nutricionista, responsável por analisar as carências nutricionais do paciente e designar um plano alimentar que supra tais necessidades. Segundo a nutricionista Carine Rodrigues, elas podem ser restritivas ou não, tendo como objetivo sempre melhorar a qualidade de vida das pessoas com uma alimentação equilibrada:

“Dieta é o conjunto de alimentos ingeridos por um indivíduo. Muitas pessoas utilizam esse termo também para designar planos alimentares que objetivam a perda de peso. Porém, devemos ter muito cuidado com as dietas “da moda”, pois, muitas vezes, são limitadas a nutrientes ou grupos alimentares específicos, podendo levar o indivíduo à deficiências nutricionais e/ou problemas graves de saúde”, explica a nutricionista.

Fazer ou não fazer dieta? Qual é a melhor maneira de garantir uma alimentação saudável?
Como são planos alimentares que visam a saúde e a boa forma, as dietas, sem exceção, devem ser acompanhadas por um profissional nutricionista, já que ele vai ser o responsável por fazer todo o controle nutricional dos alimentos que serão ingeridos e por pedir um “check up clínico” para avaliar as reações do organismo à dieta. Portanto, qualquer pessoa pode fazer dieta, seja para emagrecer, para perder peso ou para desintoxicação, por exemplo, desde que ela atenda e supra as necessidades do organismo e se adeque ao seu dia a dia.

Melhores dietas: 5 sugestões para melhorar e adequar a sua alimentação
– Dieta Mediterrânea ou do Mediterrâneo: Para garantir longevidade e melhorar os hábitos alimentares, essa dieta também é responsável por melhorar a saúde do coração, proporcionando uma melhora qualidade de vida. Seguida pelos habitantes dos países banhados pelo Mar Mediterrâneo, como Egito, Espanha, Itália e Grécia, o plano alimentar possui baixo consumo de açúcar, carne vermelha e gorduras saturadas, ajudando na perda de peso saudável e na prevenção de doenças.

– Dieta DASH: Ideal para quem precisa reduzir os níveis da pressão arterial, esse plano alimentar visa uma alimentação mais saudável para os hipertensos e, assim, prevenir as doenças cardiovasculares. Dash, na verdade, é uma sigla para “Dietary Approach to stop Hypertension, tendo como tradução: Abordagem dietéticas para parar a hipertensão. Assim, além de controlar a pressão, a dieta favorece o emagrecimento e estimula o consumo de alimentos mais naturais e saudáveis, sem muitas restrições.

Leia também: Kifina Anvisa

– Low Carb: Esse programa alimentar ficou conhecido por se basear em uma dieta com baixo consumo de carboidrato, favorecendo assim a perda de peso mais fácil e sem muito sofrimento. A dieta low carb faz com que o nosso metabolismo funcione melhor, combatendo a retenção de líquido e diminuindo o acúmulo das gordurinhas. Substituindo o carboidrato, o plano alimentar investe no consumo de proteínas, frutas e vegetais que aumentam o quadro nutricional da dieta.

Leia também: Phytophen Anvisa

– Dieta cetogênica: Com a promessa de perder peso de forma rápida e eficaz, esse plano alimentar também se encaixa nas dietas low carb, já que possui a restrição de carboidrato, beneficiando a queima de gordura corporal mais facilmente. Ela foi criada, a princípio, para controlar as doenças metabólicas, epilepsia e outras complicações, porém, com a perda de peso garantida, acabou caindo na graça das pessoas. Nessa dieta há uma lista de alimentos permitidos e proibidos, que diminuem a quantidade de carboidratos e aumentam o consumo de gorduras boas na alimentação.

Leia também: Dietas de emergência

– Dieta detox: Tem como principal objetivo limpar todo o organismo com alimentos com propriedades desintoxicadoras que ajudam a eliminar as toxinas do corpo, fazendo que todos os sistemas (circulatório, digestivo, cardiovascular) funcionem de forma correta. Baseada em frutas, legumes e vegetais orgânicos, grãos integrais, cereais e chás, esse plano alimentar é composto por sucos detox, sopas e saladas que ajudam a absorver mais nutrientes e deixar o organismo saudável.

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *